Olá!
LOGIN
Logue-se Ao Nosso Site
MINHA CONTA
Detalhes da Minha Conta
▶ DESLOGAR
MINHA CONTA
Detalhes da Minha Conta
▶ DESLOGAR

Jornada nas Estrelas - A Jaula - (EP.00 PILOTO) - 1965/1988/2009 - (Dual Áudio/Dublado) - Bluray 1080p


Titulo Original: THE CAGE – 1965 – 1988 – 2009
Gênero: AÇÃO – AVENTURA – MISTÉRIO – FICÇÃO CIENTÍFICA
Direção: Robert Butler
6,1 http://www.nullrefer.com/?http://www.imdb.com/title/tt0072737/

BLURAY 1080p - DUAL ÁUDIO (DUBLADO)
SEM MARCA D'AGUA

Postado por: Marcos F.

BLURAY 1080p - Maior
Tamanho: 5.62 GB
Formato: MKV
Qualidade: Bluray 1440x1080 - H.264 / AVC / 10.800 Kbps / 23.976 FPS / High@L4.1
Duração: 63 Min
Audio 1: Português - Dublado - MP3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Audio 2: Inglês - AC3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Audio 3: Inglês - DTS / 5.1 / 48 kHz / 1.509 kbps / 24-bit
Legenda : Português/Inglês

BLURAY 1080p - Menor
Tamanho: 1.13 GB
Formato: MKV
Qualidade: Bluray 1440x1080 - H.264 / AVC / 2.200 Kbps / 23.976 FPS / High@L5.2
Duração: 63 Min
Audio 1: Português - Dublado - MP3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Audio 2: Inglês - AC3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Legenda : Português/Inglês

BLURAY 720p
Tamanho: 671 MB
Formato: MKV
Qualidade: Bluray 960x720 - H.264 / AVC / 1100 Kbps / 23.976 FPS / High@L5.2
Duração: 63 Min
Audio 1: Português - Dublado - MP3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Audio 2: Inglês - AC3 / 2.0 / 48 kHz / 192 kbps / 24-bit
Legenda : Português/Inglês

Release, Encoder e Uploader: -=| CaNNIBal |=-
Crédito Áudio Dublado (NetflixRip): -=| Wagner S. |=-
Remasterizador: -=| Marcos F. |=-

Nota do Uploader (CaNNIBal)

A pedidos estou lançando o episódio piloto da série "Jornada nas Estrelas" que foi postado originalmente no TeladeCinema pelo Marcos F. Diferente do poste do "TeladeCinema" aqui no MemóriadaTV foi utilizado um release/arquivo de video novo, sem marca d'agua e que foi convertido uma única vez, não passou nem mesmo pelo Sony Vegas, isso significa que o arquivo aqui uma qualidade superior, pouca coisa. Obviamente eu utilizei os áudios remasterizados e editados pelo Marcos F. que foi devidamente creditado, assim como a fonte. As informações abaixo, bem como, textos e imagens, foram copiados do poste do tela, créditos: TeladeCinema & Marcos F. 

NOTA (AGRADECIMENTO / O PORQUE DAS 3 DATAS / REMASTERIZAÇÃO):
Amigos, antes de tudo, meu especial agradecimento ao grande amigo Wagner S. por mais esse rip excelente. E, generosidade de fazê-lo, atendendo meu pedido. Obrigado marujo irmão!!! Também agradeço ao B@ZILI0 pela excelente fonte de vídeo pras codificações.(NOTA: RELEASE NOVO EM MELHOR QUALIDADE, BY CANNIBAL)
Agora, vamos ao porque das 3 datas no post… A primeira (1965) é de quando “The Cage” foi completado e apresentado, por Gene Roddenberry (criador da série clássica), à emissora NBC. Embora a emissora tenha recusado o filme, os executivos ficaram impressionados com o conceito apresentado, e encomendaram um segundo piloto. Esse segundo piloto, com elenco quase que totalmente diferente, recebeu o nome de “Where No Man Has Gone Before” e foi bem aceito. Então, a série foi produzida e exibida a partir de setembro de 1966…
O piloto “rejeitado”, foi aproveitado no episódio “The Menagerie”. E, no processo de edição para o novo episódio, o negativo original (35 mm) de “The Cage” foi literalmente desmontado, e assim, por muitos anos, foi considerado perdido. A cópia de Roddenberry (16 mm – p & b – feita apenas para propósitos de referência) era a única cópia completa considerada existente. Tanto que, os primeiros lançamentos em vídeo de “The Cage” utilizam o filme 16 mm de Roddenberry intercalado com as cenas coloridas usadas em “The Menagerie”.
Só em 1987 que um laboratório de filmes, em Hollywood, encontrou um rolo de filme 35 mm colorido com as cenas não usadas em “The Menagerie”, sendo devolvido a Paramount Pictures. E, é aí que entra a segunda data que coloquei no post (1988). É o ano em que “The Cage” foi ao ar pela primeira vez de forma completa e colorida. Essa exibição foi em outubro de 1988 como parte do especial “The Star Trek Saga: From One Generation To The Next”, apresentado por Patrick Stewart.
A terceira data (2009) coloquei por ser da primeira exibição do filme após a remasterização feita em 2006. A exibição foi em maio de 2009, uma semana antes da estreia de Star Trek, como parte da remasterização de 40 anos da série original. Considerei como um terceiro “marco”, porque a remasterização foi além do conceito (puro) e trouxe mudanças específicas:
* Novas tomadas geradas por computação gráfica da versão dos pilotos da Enterprise.
* Uma nova versão da tomada que passa pela Enterprise e entra no interior da ponte através do domo. Toda a ponte e os personagens foram recriados em computação gráfica e misturadas com as cenas reais.
* O planeta Talos IV é agora renderizado em computação gráfica para parecer mais foto realista.
* Um novo campo de estrelas pode ser visto através da janela dos aposentos de Pike.
* Novas imagens foram adicionadas ao computador quando os talosianos escaneiam a Enterprise. As imagens incluíam eventos que ainda não haviam ocorrido na época de produção do episódio, como o pouso da Apollo 11 na Lua.
* Créditos iniciais e finais reformatados para se pareceram mais com o resto da série.
Aqui uma edição caseira (rsrsrs), pra ilustrar melhor as mudanças que citei, comparando o início da versão original (imagens da cópia 16 mm de Gene Roddenberry) com o início da versão remasterizada:
Quanto ao meu trabalho, o áudio teve um ganho positivo de 1,5 dB (sem distorção) e também foi “enriquecido” com sonoplastias que faltavam, ou que estavam fracas, em 46 pontos ao longo da trilha…, aqui o screen da 2ª fase (mixagem):
Quanto ao estúdio de dublagem, por não estar creditado, não tenho como afirmar qual é. Porém, logo que o Wagner me enviou a trilha, já contou que reconhecera a voz de Phillipe Maia, dublando Jeffrey Hunter, e de Elcio Romar dublando Leonard Nimoy. Dois grandes dubladores que conseguem um time perfeito… Esses dois dubladores juntos, nos leva a especular que seja mais um belíssimo trabalho do estúdio Wan Macher.


ASSITIR ONLINE
Assistir Online

Arquivo BLURAY 1080p - Maior
Opção 1: Torrent
Opção 2: FileSEND
Opção 3: MEGA
Opção 4: 1Fichier
Opção 5: pCloud
Opção 6: Uptobox
Opção 7: DiskoKosmiko
Opção 8: Ulozto
Opção 9: Userscloud
Opção 10: 4Sync
Opção 11: edisk
Opção 12: Minhateca

Arquivo BLURAY 1080p - Menor
Opção 1: Torrent
Opção 2: FileSEND
Opção 3: MEGA
Opção 4: 1Fichier
Opção 5: pCloud
Opção 6: Uptobox
Opção 7: DiskoKosmiko
Opção 8: Ulozto
Opção 9: Samaup
Opção 10: 4Sync
Opção 11: edisk
Opção 12: Userscloud
Opção 13: Minhateca

Arquivo BLURAY 720p
Opção 1: Torrent
Opção 2: FileSEND
Opção 3: MEGA
Opção 4: 1Fichier
Opção 5: pCloud
Opção 6: Uptobox
Opção 7: DiskoKosmiko
Opção 8: Ulozto
Opção 9: Samaup
Opção 10: 4Sync
Opção 11: edisk
Opção 12: Userscloud
Opção 13: Minhateca
A USS Enterprise, sob o comando do Capitão Christopher Pike, recebe um sinal de socorro vindo do quarto planeta do sistema Talos. Um grupo de desembarque é formado e transportado para a superfície para investigar. Seguindo o sinal até sua fonte, o grupo encontra um campo de sobreviventes de uma expedição científica que estavam desaparecidos havia 18 anos. Entre os sobreviventes está uma bela e jovem mulher chamada Vina. Cativado por sua beleza, Pike fica de guarda baixa e é capturado pelos talosianos, uma espécie humanoide que vive abaixo da superfície de Talos. O sinal de socorro e os sobreviventes, com a exceção de Vina, eram apenas ilusões criadas pelos talosianos para atrair a Enterprise até o planeta. Aprisionado, Pike descobre que os talosianos querem repopular o planeta devastado usando ele e Vina como semente geradora para uma espécie de escravos. Enquanto o capitão Pike tenta lidar com os experimentos e testes que os alienígenas estão realizando sobre ele, sua equipe tenta encontrar uma maneira de resgatá-lo. Mas as ilusões dos alienígenas são muito poderosas… 

Curiosidades
* A Jaula (The Cage) tem a maioria das características essenciais de Star Trek, porém, o Capitão da USS Enterprise é Pike, não James T. Kirk. Spock está presente, mas não é o Primeiro Oficial, que é preenchido por uma personagem conhecida apenas como Número Um, interpretada por Majel Barrett. As características de Spock diferem do resto de Star Trek: ele não possui os traços lógicos, marca registrada na série, e apresenta ansiedade comum em jovens. A característica da mente lógica pertence a imediato Número Um.
* Foi filmado nos estúdios da Desilu Productions em Culver City, Califórnia, de 27 de novembro até o meio de dezembro de 1964. Trabalhos de pós-produção (edição, gravação da trilha sonora, efeitos sonoros e fotográficos especiais) foram completados em 18 de janeiro de 1965.
*Jeffrey Hunter tinha uma opção de seis meses exclusiva para o papel de Christopher Pike. Apesar dele ser necessário se a série fosse aprovada pela emissora, ele não era necessário para filmar o segundo piloto que a NBC pediu. Decidindo se concentrar em filmes, ele não voltou para reprisar o papel. Gene Roddenberry lhe escreveu uma carta em 5 de abril de 1965:
“Me disseram que você decidiu não continuar com Star Trek. Essa tem que ser sua decisão, claro, e eu devo respeitá-la. Você pode ter certeza que eu não guardo nenhum rancor ou mais sentimentos e espero continuar a refletir publicamente ou privadamente a elevada consideração que eu adquire para com você durante a produção de nosso piloto.”
Roddenberry então perguntou se Hunter estaria disposto a filmar cenas adicionais para permitir que o piloto rejeitado fosse lançado como um filme para televisão, porém ele também se recusou.
Duas semanas depois da opção ter expirado, em 1 de junho de 1965, Hunter formalmente entregou sua carta pedindo para ser separado. Roddenberry mais tarde sugeriu que foi ele próprio, insatisfeito com a interferência da então esposa de Hunter, Dusty Bartlett, que decidiu não recontratar Hunter. Entretanto, o produtor executivo Herbert F. Solow, que estava presente no dia que Dusty, atuando como empresária, recusou o papel em nome de seu marido, afirmou em seu livro “Inside Star Trek” que na verdade foi ao contrário.
* Todos os talosianos foram interpretados por mulheres, com suas vozes telepáticas sendo gravadas por homens. Isso foi feito para dar a impressão de que os talosianos se focaram em desenvolvimento mental, em detrimento de força física e tamanho, e também para lhes dar um ar mais alienígena. Entretanto, a voz grave de Malachi Throne como o Guardião em “The Cage” teve de ser redublada com uma voz mais aguda para “The Menagerie”, já que Throne estava interpretando o Comodoro Mendez nos novos episódios.
* O conceito de Star Trek foi apresentado primeiramente para a CBS, que recusou em favor da série Lost in Space, criada por Irwin Allen. Roddenberry então apresentou Star Trek para o chefe da Desilu Studio, Herb Solow, que eventualmente aceitou o projeto. Solow então vendeu os direitos de Star Trek para a NBC, que pagou pelo piloto rejeitado “The Cage”, que foi descrito como “muito cerebral”. Mesmo assim, os executivos da NBC ainda ficaram impressionados com o conceito, e perceberam que as falhas se deviam parcialmente ao roteiro que eles mesmos haviam aprovado. Os executivos da NBC então fizeram uma decisão pouco comum, encomendaram um novo piloto, usando o roteiro chamado “Where No Man Has Gone Before”. Apenas o personagem de Spock, interpretado por Leonard Nimoy, permaneceu no segundo piloto, e apenas Majel Barrett e Nimoy permaneceram no elenco. O novo piloto foi aprovado pela NBC e Star Trek foi agendado para estrear no outono de 1966.
* Se “The Cage” não fosse concebido como piloto pra uma série de Tv, é verdade pra muitos que teria sido o melhor filme de ficção científica desde “Forbidden Planet”. O mais notável é que foi feito com um orçamento bastante limitado e nas pobres instalações de Desilu Studios.

Jeffrey Hunter … Captain Christopher Pike
Susan Oliver … Vina
Leonard Nimoy … Mister Spock
Majel Barrett … Number One (as M. Leigh Hudec)
John Hoyt … Dr. Phillip Boyce
Peter Duryea … Lt. José Tyler
Laurel Goodwin … Yeoman J.M. Colt

=>> país: EUA 
=>> duração original: 64 minutos 
=>> estúdio: Desilu Productions 
=>> distribuidora: CIC-Taft Home Video

5 comentários:

  1. E meus nobres.
    Tenho q dizer q só vcs mesmo pra alegrar a mim e a minha família, nesse carnaval.
    Relembrando essa nostalgia e ainda por cima nessa qualidade sem comparação.
    Obrigado meu VEI.
    To na espera dos próximos.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado por atender meu pedido e parabéns pela postagem, continue sempre assim cannibal, sempre pensando no próximo, muito obrigado

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigado pela postagem.
    Porem eu notei uma diferença, a que foi postado pelo Teladecinema com marca dágua esta remasterizado com novos efeitos computadorizado e o que foi postado pela Memoriadatv não foi remasterizado com novos efeitos CG, notei a diferença na abertura em que aparece a Enterprise, uma gerada pela CG (Teladecinema) e a outra da maquete original (Memoriadatv).
    Acredito que a versão postada pela Memoriadatv seja de 1988 e a versão postada pela Teladecinema seja de 2009 após a remasterizarão.
    Mesmo assim é muito interessante ter essas duas versões.
    Se for possível postar também a versão remasterizada de 2009 com qualidade BD-Remux (sem marca dágua) eu agradeço.
    E se tiver algum extra como por exemplo de algum comentário a respeito desse episódio e do processo de remasterização que foi feita, poderia postar? (caso exista e se também for possível).
    E novamente, muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não tinha reparado nisso
      Eu peguei ambas as versões, Original e Remasteriza, mas vi apenas o meio do video dos dois e não vi diferente, não prestei atenção mesmo
      Enfim, irei atualizar com a cópia remasterizada, abraço

      Excluir
    2. Muito Obrigado, mesmo assim foi bom ter acontecido, pois agora poderei ter em breve as duas versões do mesmo episodio, a original e a remasterizada.
      Se possível postar com uma das opções na versão BD-Remux eu agradeço.
      E novamente eu agradeço pelo seu trabalho e esforço de nos presentear com tantas preciosidades nas suas varias dublagens e redublagens em português consideradas até então esquecidas ou perdidas.
      Muito Obrigado.

      Excluir

REGRAS DOS COMENTÁRIOS
1 – Todos os comentários são lidos e se possível respondidos.
2 – Não serão toleradas faltas de respeito (com ninguém) quem fizer isso terá o comentário deletado e não diga que não foi avisado.
3 – Link Quebrado é só informar que vamos corrigir o mais rápido possível.
4 – Permitimos a divulgação de links de sites, blogs, foruns e etc, desde que não seja feito spam ou seja algo proposital.
(O Compartilhamento vai além de postar filmes, divulgar também é compartilhar)

Obrigado!